close

Um outono criativo com Pulp14

Com a chegada do outono temos um novo número de PULP na rua, um exemplar que irão reconhecer pela sua capa vistosa que mostra um detalhe de um poster de Modiano de Róberto Berény, um dos cartazes do Museo Nazionale Collezione Salce em Treviso, o santuário dos cartazes publicitários italianos, aos quais é dedicado um artigo pela mão de Davide Fornari.

Um exemplar que irão reconhecer pela sua capa vistosa que mostra um detalhe de um poster de Modiano de Róberto Berény

No interior deste décimo quarto número encontraremos o perfil de Elodie Boyer das Editions Non Standard, da pena de Anne Milburg, assim como um artigo de Roberto Rota sobre o galardoado catálogo de moda para a Tela, e ao director da Pulp, John L. Walters, que nos traz um apanhado preliminar da exposição veneziana que desafia os preconceitos sobre o comércio de livros do século XV.

Em “Frikis do Terror”, a crítica de cinema de Isabel Stevens fala-nos de “What Monster” uma fanzine com uma edição muito especial para os fãs do género. Sarah Miller escreve sobre os catálogos de super iates de luxo e finalmente em “Quiet Reminder”, Sarah Snaith fala com Adriano Esteyes da Bürocratik sobre o impressionante trabalho gráfico que o estúdio de design faz para o Teatro Académico de Gil Vicente em Coimbra, Portugal.

Pulp 14 foi impressa em papéis feitos em Itália pela Fedrigoni, incluindo Symbol Card 1Side 240g/m2, Freelife Vellum Ivory 120 g/m2, Woodstock Betuna 140g/m2 e X-PER Premium White 140 g/m2. A impressão foi feita pela Opera em Verona, Itália.

Se é um profissional de design e quer receber um exemplar gratuito da revista, pode fazê-lo preenchendo o seguinte formulário. Para além disso, pode também seguir a Pulp no Twitter e Instagram!

prev next