close

Ovelha Negra, os cadernos do Arco da Velha

Em 2015 um tipógrafo e dois designers juntam-se para trazer à luz um projecto que mergulha no saber fazer artesanal das artes gráficas. Nasce o colectivo Ovelha Negra, o trio de Manuel Leitão (tipógrafo e serígrafo), Luís Miguel Castro (designer e artista plástico) e Paulo Moreira (designer e arquitecto de interiores).

Apaixonados por uma produção cuidada e manual, os ingredientes da sua originalidade passam por recuperar o imaginário do “Arco da Velha”, juntar algumas notas de poesia e muita liberdade compositiva.

Desde a sua recente formação, a Ovelha Negra já embarcou em projectos com a Fundação do Museu Ferroviário e com o CIIPC- Centro de Investigaçao e Informaçao do Patrimonio de Cacela. Para ambos projectaram uma colecção de cardernos lisos, onde “cada exemplar é único e não há dois iguais”.

Com o Good Paper Sirio Color de 300 grms para as capas, exploram graficamente a iconografía e história dos caminhos ferroviários na colecção Cais de Embarque, ou mergulham no sotavento algarvio, na colecção Múrmurios do Sotavento.

 

01_12186000_189931831339722_2060240350_o

02_12186220_189931428006429_1634477970_o 03_12190307_189935714672667_202897627_o 04_12186050_189936408005931_437654938_o 05_12193254_189935941339311_147940774_o

08_12197587_189928814673357_639419910_o

06_12194088_189934674672771_1318727305_o

07_12197152_189929741339931_246902086_o

 

Procurando criar um efeito máximo com o mínimo de meios, as capas dos cadernos A5 e A6 são impressos em serigrafia e zincogravura de várias cores previamente seleccionadas para cada série. Até a encadernação é manual, ou cozida em máquina de costura ou alinhavada à japonesa.

Obrigada por confiar nos nossos papéis para esta bela aventura gráfica. Ficaremos atentos ao próximo capítulo da Ovelha, da Velha e dos seus cadernos!

 

+ info: Paulo Moreira (paulo.on.me@gmail.com)

prev next