close

O efeito “pele” do Magabook ADG Laus 2019

Uma publicação onde se reúne a “crème de la crème” do mundo do design gráfico e da comunicação visual e que é um regalo para os olhos, o toque e a inspiração. O anuário Magabook ADG Laus, publicado anualmente pela ADG-FAD como compilação das peças galardoadas com os prémios Laus, tornou-se uma publicação chave e um barómetro do design e da direção de arte em Espanha.

 

O Magabook ADG Laus é uma publicação que marca a diferença no mundo do design ao apresentar-se como peça-objeto que transcende um mero recipiente de conteúdo

A edição deste ano, apresentada durante a 49ª Nit ADG Laus, voltou a reunir nas suas páginas o melhor do design visto e sentido durante o ano passado. Por isso, o seu conteúdo transforma-se numa referência para os profissionais da comunicação visual e do design gráfico. Também a forma de conceção da publicação é alvo de todas as atenções, ano após ano.

 

Na edição de 2019, o mérito é da agência Rubio & del Amo, que decidiu apostar num conceito mais poético para marcar a diferença relativamente aos estilos anteriores do anuário. Alcançaram o seu objetivoapelando ao conceito da “pele” como via para representar “o esforço através do suor, a emoção através da pele eriçada, a singularidade através dos sinais na pele ou a jornada através da ruga, conforme referem os seus designers.

Para obter um efeito “pele” pioneiro nas capas, a aposta foi no papel Constellation Snow E.11 e no E.03 da Fedrigoni, e no Symbol Tatami para o interior

Partindo dessa ideia, criaram uma maqueta que conseguiu abordar esse efeito pele através de uma capa pioneira. Imprimindo a capa em cores diferentes, a agência conseguiu mostrar vários tons de pele e proporcionar um matiz imprevisto: a diversidade.

 

E para concretizar esse efeito nestas capas pioneiras, a sua aposta foi clara: no papel Constellation Snow E.11 240 g da Fedrigoni para a capa dos projetos premiados e no Constellation Snow E.03 240 g, da mesma marca, para a capa dos prémios honorários, dedicados este ano ao trajeto de Ana Zelich e La Casa Encendida.

 

El interior de la publicación también lleva la marca Fedrigoni con un Symbol Tatami White de 135gr que, con su acabado satinado y revestimiento por ambos lados, logra destacar la naturalidad de las imágenes que ilustran la pieza editorial.

O resultado é uma publicação que marca a diferença no mundo do design ao apresentar-se como peça-objeto que transcende um mero recipiente de conteúdo. Uma daquelas peças que acaba por se guardar como um objeto precioso.

 

Créditos
Diseño: Rubio & del Amo
Impresión: AGPOGRAF Impressors
Imágenes: ADG-FAD
Papeles empleados:Constellation Snow E.11 y E.03 y Symbol Tatami de Fedrigoni 

prev next